Sacola de Compras

* Calcule seu frete na página de finalização.

* Insira seu cupom de desconto na página de finalização.

Kit #60 - Quinta do Gradil 1492 (Tannat, Tinto e Alicante Bouschet)

Disponibilidade: Imediata

A linha de vinhos RIBEIRO SANTO é um dos mais aclamados sucessos do Grupo Vínicola MAGNUM VINHOS, com vinhos no Douro, Alentejo, Dão e Vinhos Verdes. O projeto nasce do sonho de CARLOS LUCAS, um dos grandes nomes do vinho em Portugal, um homem ligado às raízes do DÃO. A QUINTA DO RIBEIRO SANTO é a sede da empresa.

 

Castas:  TOURIGA NACIONAL, ALFROCHEIRO e TINTA RORIZ, clássicas castas do Dão, estão presente no RIBEIRO SANTO de entrada e no RIBEIRO SANTO RESERVA, em proporções variáveis. 

 

Terroir:  Clima fresco com influência da Serra da Estrela e dos rios Dão e Mondego. Solos de origem granítica com grandes afloramentos rochosos. Altitude em torno de 600 metros, com Verões quentes e secos e Invernos muito frios.

Vinificação: A vindima é manual e o desengace total. Fermentação em cubas de inox com maceração prolongada e remontagens suaves para extração de aromas e cor. Decantação natural em cubas de inox e ligeira filtração antes do engarrafamento. O RESERVA estagia por 9 meses em barricas de carvalho francês e o TOURIGA NACIONAL, por 12 meses.

Longevidade: Os vinhos do Dão são naturalmente longevos, mesmo os vinhos de entrada, em torno de 5 a 10 anos. O RESERVA pode evoluir por pelo menos 15 anos e o TOURIGA NACIONAL acima de 20 anos.

Estágio: por 9 meses em barricas usadas de carvalho francês, usadas préviamente na fermentação de vinhos brancos, no caso do RESERVA e 12 meses no caso do TOURIGA NACIONAL

Temperatura de Serviço : Ideal entre 15° e 17°

Safra:  2017 o RESERVA, 2019 o COLHEITA e 2016 o TOURIGA NACIONAL

Teor Alcoólico:  13% e 13,5%

 

Notas de Prova:  Mostram-se muito semelhantes na cor, um rubi intenso e com raios violáceos. Na nariz, aromas semelhantes muito presentes nos 3 vinhos, com presença de alguma especiaria no Reserva e no Touriga Nacional, assim como leve baunilha resultante da madeira. Couro e chocolate amargo também podem ser sentidos nestes dois. Em boca, todos muito frutados e com excelentes taninos, macios e aveludados, boa acidez e um final muito persistente e longo.

 

Harmonização: Muito apropriados para Churrascos e Carnes Vermelhas no Forno, Pratos com frutos secos e cogumelos, Queijos curados e Embutidos, Massas com molhos de carne.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.